terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

POSSO MORAR EM UM "BARRACO" NO CÉU?



Texto base: “Eis que cedo venho, e o meu galardão está comigo para dar a cada um segundo a sua obra.” (Apocalipse 22.12)
Resolvi escrever este texto após receber uma afirmação que defendia um posicionamento apresentado pela pregadora Sarah Sheeva, que de acordo com os meios de comunicação, ela teria afirmado que muitos cristãos morariam no céu em uma espécie de favelinha celestial e outros morariam em um “condomínio fechado com vista direta para Deus.”(VEJA AQUI) Tal definição serve para ilustrar o posicionamento que alguns grupos religiosos fazem a respeito da promessa bíblica onde os salvos receberão galardão (recompensas) no Tribunal de Cristo (Romanos 14.10). A afirmação provocativa tentava provar que no céu haverá uma forte hierarquia onde muitos salvos nem mesmo verão a Deus, como forma de punição pelas suas obras negativas (posicionamento defendido por Sarah e tantos outros pregadores desta linha teológica). Apresentarei o que realmente a Bíblia nos fala sobre estas recompensas que os salvos receberão na glória celestial.
1.   O que a Bíblia fala sobre galardão:
O dicionário online Michaelis define galardão da seguinte maneira: 1 Recompensa de serviços importantes. 2 Glória, honra, prêmio. Desta forma entendemos que tais recompensas serão dadas aqueles que se dedicaram em fazer a obra de Deus. Não podemos negar, nas Escrituras, a existência desta forma de recompensa que nos dará o Senhor. Podemos ver explicitamente na parábola descrita em Lucas 19.11-27, onde o Senhor cobrará em sua vinda tudo aquilo que temos feitos para o seu Reino.
A palavra de Deus nos fala que tais recompensas serão dadas aos servos de Cristo, ou seja, aqueles que já são salvos. Tal momento acontecerá no Tribunal de Cristo (Romanos 14.10), onde serão julgados somente os salvos em Cristo, após o evento escatológico do arrebatamento da Igreja (1 Tessalonicenses 4:17; 2 Timóteo 4:8). A palavra de Deus nos diz a este respeito: "Porque todos devemos comparecer ante o tribunal de Cristo, para que cada um receba segundo o que tiver feito por meio do corpo, ou bem, ou mal." (2 Coríntios 5.10). O Senhor nos julgará de acordo com nossa administração daquilo que nos foi entregue por ele, ou seja, se fomos ou não dedicados na obra do Senhor, se fomos misericordiosos, inclusive se cuidamos bem da nossa própria vida (Lucas 16.2; Lucas 19. 11-27; 1 Tessalonicenses 5.23; 1 Pedro 4.10)
A Palavra de Deus apresenta galardão como sendo coroas que o Senhor nos concederá. O pastor Batista Walter Campelo Andrade descreve algumas coroas, são elas: da Glória (1 Tessalonicenses 2.19), da Vida (Apocalipse 2.10) e coroa de Justiça (2 Timóteo 4.8) (CONFIRA AQUI). Entendemos ainda que tais recompensas serão simbólicas, como afirma o teólogo Ciro Sanches, na obra Teologia Sistemática Pentecostal (2008), assim descreve o teólogo:
Muitos crentes sinceros acreditam que o galardão será algo palpável, e que receberão coroas de ouro, literalmente [...] Na verdade coroa fala de posição, domínio, poder [...] quando a Palavra de Deus diz que o galardão está com Jesus, não significa que Ele virá com uma enorme bagagem [...] quando partirmos desta vida, as nossas obras nos seguem (Apocalipse 13.13); isto é, tudo o que fizermos fica registrado no Céu. No arrebatamento, Jesus – que conhece nossas obras (Ap 2.2,,13,19; 3.8,15) – trará consigo o resultado, avaliação de nosso trabalho. (Sanchez, 2008, p. 507)

Concluímos este tópico ressaltando que acima de tudo, o Senhor é justo em recompensar aqueles que realizaram uma administração saudável dos dons que o Senhor, pela Sua Graça, nos concedeu. Contudo, não será por você ser cristão a mais tempo que tal atitude irá te garantir maior reconhecimento. Jesus promete recompensar a todos que trabalharam com dedicação na obra de Deus da mesma forma, independente de quantos anos tenha de vida cristã, ou ainda de qual título que ostentava nesta vida. (Mateus 20.1-16; 1 Coríntios 3.10-15).

2.   Todos os salvos verão a Deus!
Não existe qualquer base bíblica para afirmar que como forma de recompensa alguns salvos ficarão pertinho de Deus, enquanto outros nem mesmo conseguirão ver a Deus. Ainda que consideramos os níveis de recompensa que os salvos receberão, torna-se inconsistente, e até mesmo leviano, afirmar esta divisão num mundo onde o próprio Deus manifestará a sua Glória. Em Apocalipse 21.22,23 encontramos uma clara alusão a presença de Deus na Nova Jerusalém: “Não vi templo algum na cidade, pois o Senhor Deus todo-poderoso e o Cordeiro são o seu templo. A cidade não precisa de sol nem de lua para brilharem sobre ela, pois a glória de Deus a ilumina, e o Cordeiro é a sua candeia.”(Apocalipse 21.22,23). Não precisaria explicar este texto, pois está claro, mas vejamos algumas indagações pertinentes: Como pode o Templo onde TODOS deveriam comparecer, não ser visto por os salvos “excluídos”? Ou ainda, como pode a cidade ser iluminada pela Glória de Deus e possuir salvos que não verão? Meus irmãos quanta tolice! O Senhor não fará acepção de pessoas, muitos menos nos furtará da Sua maravilhosa presença (Mateus 5.8)!  E o que dizer da tão esperada Boda do Cordeiro, onde todos os salvos estão reunidos com Cristo para celebrar a vitória sobre a morte (Apocalipse 19.7-9), estando inclusive coroados, ou seja, teremos recebido nosso galardão (1 Pedro 5.4). Em nota na Bíblia de Estudo Aplicação Pessoal, o autor traz uma explicação coerente sobre Apocalipse 21.22, vejamos:
O Templo de Jerusalém, centro da presença de Deus entre seu povo, era o principal lugar de adoração. Nenhum templo será necessário na Nova Jerusalém, porque Deus estará presente em toda parte, Ele será adorado em toda a cidade e nada nos impedirá de estar com Ele.

Por fim se ainda há alguma dúvida de como será a nossa vida junto do Pai, afirmo a você que todos veremos ao Senhor (Apocalipse 1.7), e a promessa de herdar as maravilhosas bênçãos celestial será ao que vencer (Apocalipse 21.7), ou seja, ao que for salvo, lembrando sempre que salvação é um ato de Misericórdia de Deus e não está ligado a nossas obras, mas expressa a Graça que nos foi dada pelo Supremo amor do Pai (João 3.16; Efésios 2.8,9).


Agradecendo por esta Graça de Cristo,

Jefferson Rodrigues

8 comentários:

  1. "segundo a sua obra"
    não é suficiente?????

    ResponderExcluir
  2. Caro anônimo das 02:58, especifique seus argumentos para que possamos debater idéias de forma sólida, pois se você não prestou atenção em meus argumentos, o termo "segundo a sua obra" refere-se ao galardão, ou seja, a recompesa que o Senhor concederá aos salvos segundo as suas obra. Este termo em momento algum refere-se a contemplar ou não a Glória de Deus, ou como ensina alguns, ver ao Senhor Deus na Nova Jerusalém. Em Mateus 5.8 Jesus nos ensinou que "Bem aventurados os limpos de coração, porque verão a Deus". Neste sentido, entedemos que o requisito para contemplar ao Senhor é simples: ser limpo de coração (salvo em Jesus Cristo).
    De qualquer forma, agradeço a sua contribuição, apenas fundamente suas colacações para então discordar.
    Em Cristo, Jefferson Rodrigues

    ResponderExcluir
  3. Eleonilton Leonardo8 de fevereiro de 2012 22:32

    Certa vez ouvi um cara afirmar numa pregação que quanto maior for a quantidade de vida que uma pessoa ganha para Cristo, mais acumula tesouros no céu! Porque, segundo ele, o próprio Cristo nos convoca a acumular tesouros nos céus!!!
    E, lá da insignificância de meu banco da igreja, pensei comigo mesmo: Na visão desse cara,Tô lascado porque até hoje nunca levei alma nenhuma para Cristo!!!
    Mas, o que me conforta é que lendo as Escrituras Sagradas pode-se perceber que essa visão de alguns em relação ao acúmulo de riquezas no céu, é totalmente equivocada, não é riquezas de coroa, casas, jaspe..... que a Bíblia fala, pois o motivo da ida do povo de Deus aos céus é para adorá-lo em espírito e em verdade!!

    ResponderExcluir
  4. verdade ir; jefferson. A muintos crentes pensado desta forma que por não ter feito muito, tera sinplemente, um lugasinho no céu ,ou seja uma casinha sinples ou algo paresido
    mas a biblia diz foste fiél no pouco mas no muinto te colocarei entra para o goso do teu senhor
    bom e fasermos por onde entrar pela porta e partecipar do goso do senhor

    ResponderExcluir
  5. Paz e Graça ! Jefferson Rodrigues, eu sou o irmão do Borges(RONE), uns dos que levantaram essa discussão saudável sobre esse tema e fico muito feliz por existe ainda alguns remanescentes que buscam verdade bíblica como é o caso de vc e de seu blog...
    Primeiramente confesso minha deficiência de não conhecer profundamente bíblia por completo, mesmo nascendo no lar evangélico , passando minha vida inteira dentro de "igrejas" e "EBD" todos os domingos, aprendi muitas coisas, mas muito rasas(sem-profundidade) e também esteve desviado do caminho de Deus por um tempo, mais o amor de JESUS me encontrou e partir disso que pode me aprofundar sobre as verdades bíblicas com ajuda principal do meu amigo fiel Espirito Santo(isso tem muito pouco tempo), pois não gosto(nem acredito) de teologia sem esse pessoa. Por que para mim sem Espirito Santo(revelação) seremos meros homens tentando decifrar a bíblia e já vimos no que isso deu como: AS TESTEMUNHA DE JEOVÁ, IGREJA CATÓLICA,...(que tem muita teoria e Teologia, mas princípios distorcidos pq foi feito por homens,não vem de DEUS). E por isso mesmo convidei meu líder para participar dessa discussão, pelos motivos acima citados...
    Começo elogiando seu texto muito bem feito, mas percebi uma certa divergência no texto com um posicionamento inicial igual ao meu e no fim conclusão meio que forçada para rumo,(vou ficar por aqui na analise do texto,pois meu líder vai discorre sobre tema).
    Contudo vejo no site que vc postou para comentar sobre tema, Sarah Sheeva (no site "http://www.genizahvirtual.com/2011/01/ favelinha-do-ceu-da-sarah-sheeva.html") pessoas com intenção de mediocrizar e ridicularizar o pensamento dela, e como ele mesmo afirma: "baseado no mesmo preconceito, que confesso, também tenho, contra tudo relacionado ao MIR e ao G12" esse cara deve é se converter pq nenhum cristão deve ter conceito antecipado antes de conhecer ou já pré-estabelecido sobre uma pessoa ou instituição, devemos é claro conhecer as coisas para depois julgar e não jugar sem conhecer(Examinai tudo. Retende o bem. 1 Tessalonicenses 5:21). Sobre o G12 tem coisas muito boa lá, resgata valores da Igreja primitiva, e fortalece o corpo de Cristo e sobre Sarah é mulher de Deus demais e que tem ministrado muito sobre santidade numa geração pervertida principalmente na área sexual. Mas como ele(rapaz do site) se retratou e disse claramente que trata de um mal-entendido sobre os pesamentos dela.
    Deixo a dica:"Porque Quem quer amar a vida, E ver os dias bons, Refreie a sua língua do mal, E os seus lábios não falem engano. "
    1 Pedro 3:10

    ResponderExcluir
  6. Naftale, fico agradecido pela sua contribuição em nosso espaço, usando de ponderação, fato louvável em nossos dias. Quanto ao texto, o fiz não para negar a existência da recompensa dada por Deus aos Salvos, isto é fato nas Sagradas Escrituras. Minha objeção também não acontece quanto a Sarah Sheeva (pois como falei anteriormente, vejo sinceridade em suas intenções). Meu principal objetivo é demonstrar as verdades bíblicas sobre o galardão. Não há NADA na palavra de Deus que nos faça entender que haverá cristão que terão lugar mais perto de Deus em detrimento de outros que, talvez, nem verão a Deus! Confira Mateus 5.8, onde o Mestre diz "Bem aventurado os limpos de coração, porque verão a Deus", nem mesmo Hebreus 12.14 é base para dizer que tempo de vida em santidade é crítério para estarmos melhor diante de Deus. As coisas são bem simples, ou você é santificado pela redenção de Cristo ou você não verá a Deus, como fica claro no contexto de Hebreus 12. Falo a você que o galardão se dará não por quanto tempo fazemos algo, mas será como fizemos com aquilo que o Senhor nos entregou (Lucas 19.11-27; Mateus 25.1-30). Veja o claro exemplo na parabola dos Talentos (Mateus 25)onde o Senhor pune o servo negligente lançando-o nas trevas exteriores (alusão ao inferno) não com a possibilidade de estar com Senhor e não o vê-lo (Mateus 25.30). Por fim acredito, sinceramente que a santidade não acontecerá por imposição de algo, mas sim pela obra santificadora de Cristo que nos afastará do pecado. Como vc concluo deixando uma dica:"Já que vocês morreram com Cristo para os princípios elementares deste mundo, por que, como se ainda pertencessem a ele, vocês se submetem a regras:"Não manuseie!", "Não prove!", "Não toque!"? Todas essas coisas estão destinadas a perecer pelo uso, pois se baseiam em mandamentos e ensinos humanos.Essas regras têm, de fato, aparência de sabedoria, com sua pretensa religiosidade, falsa humildade e severidade com o corpo, mas não têm valor algum para refrear os impulsos da carne."(Colossenses 2.20-23. Lembre-se tudo é pela graça, inclusive nossa santificação,portanto, "se é pela graça, já não é mais pelas obras; se fosse, a graça já não seria graça."(Romanos 11.6)
    Que o Senhor Jesus abençoe ricamente sua vida e de todos em sua casa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Naftale de Sousa Borges18 de abril de 2012 12:45

      Graça e Paz! Depois de bom tempo voltei para esclarecer e para propor a você um texto ou postagem sobre sua opinião e sua teologia sobre SANTIDADE " que vc falou:Essas regras têm, de fato, aparência de sabedoria, com sua pretensa religiosidade, falsa humildade e severidade com o corpo, mas não têm valor algum para refrear os impulsos da carne." - "que só nos céu nos tornaremos santo", fui levado a lembrar de algumas coisas que foram discutida e uma delas é SANTIDADE.
      Os Esclarecimentos:
      Em nenhum momento no meu texto disse que uma pessoa deixaria de ser salvo pelo fato algo ou obras ou santidade(pois seria uma baita HERESIA), pois salvação é dom GRATUITO DE DEUS, pela a obra da cruz de Cristo em nossa vidas e a maioria das bases bíblicas que vc postou está relacionado com SALVAÇÃO : parabola dos Talentos (Mateus 25), parábola dos trabalhadores na vinha (Mateus20:1-16)... e fica bem claro em todas as parábolas que Deus esta falando de SALVAÇÃO,JUÍZO e Condenação( aqui não fale tempo, obras, intimidade ou qualquer outra coisa) e sim Fé no filho de Deus(Jesus) e pela Graça de Deus!Então eu não estava me direcionando a Salvação e sim! ao tocante do Reino do Céu (já depois da Salvação) - O mal entendimento seu está em confundir SALVAÇÃO POR GALARDÃO(RECOMPENSA)como vc mesmo falou a mim, aqui em casa sobre parábola do trabalhadores na vinha (Mateus20:1-16)
      UM ESCLARECIMENTO:
      "Salvação é pela fé – não temos mérito nenhum nisso, todo mérito é de Deus que Enviou seu filho para mediante a fé nos salvar.
      E o Galardão é pelas obras, são recompensas que o Senhor nos dá, mediante as nossas atitudes aqui na terra.
      Conhecemos bem a salvação.
      A palavra grega para galardão é misthós , que significa salário (Rm.4:4) Ora, ao
      que trabalha, o salário não é considerado como favor, e sim como dívida. ou recompensa (Mt.5:46). Galardão, portanto, são as recompensas que os salvos
      receberão na glória porvir, de acordo com suas obras (2º Co.5:10). Porque importa
      que todos nós compareçamos perante o tribunal de Cristo, para que cada um receba segundo o bem ou o mal que tiver feito por meio do corpo.A doutrina do galardão não é nenhum absurdo; ela encontra apoio escriturístico suficiente, tanto no Antigo Testamento (2º Crônicas 15:7 Mas sede fortes, e não desfaleçam as vossas m os, porque a vossa obra terá recompensa.; Isaias 40:10; 62:11), quanto no Novo Testamento (Mt.16:27; 1 Co.3:8,14; Ef. 6:8; Ap.2:23; 11:18; 22:12)." Texto salvação e galardão....
      Por fim,analiso sua fala: "Não há NADA na palavra de Deus que nos faça entender que haverá cristão que terão lugar mais perto de Deus..."
      OLHAI UMA PASSAGEM?!
      "E olhei, e eis que estava o Cordeiro sobre o monte Sião, e com ele cento e quarenta e quatro mil, que em suas testas tinham escrito o nome de seu Pai.
      E ouvi uma voz do céu, como a voz de muitas águas, e como a voz de um grande trovão; e ouvi uma voz de harpistas, que tocavam com as suas harpas.
      E cantavam um como cântico novo diante do trono, e diante dos quatro animais e dos anciãos; e ninguém podia aprender aquele cântico, senão os cento e quarenta e quatro mil que foram comprados da terra.
      Estes são os que não estão contaminados com mulheres; porque são virgens. Estes são os que seguem o Cordeiro para onde quer que vá. Estes são os que dentre os homens foram comprados como primícias para Deus e para o Cordeiro.
      E na sua boca não se achou engano; porque são irrepreensíveis diante do trono de Deus.
      Apocalipse 14:1-5
      Então tem uma galera que estará com Deus antes até mesmo da colheita final - bem mais próximo do que os outros!não e?!
      OBS:
      Enfim gostaria muito de levantar a questão sobre SANTIDADE pois foi esse tema que me levou até aqui novamente e acredito que será para nossa EDIFICAÇÃO - pois ambos aprendemos muito numa discussão saudável e edificadora como essas... Que Deus continue lhe abençoar cada dia mais vc e sua família - Paz!

      Excluir
    2. Meu nobre amigo e irmão Naftale, mais uma vez agradeço sua contribuição em nosso espaço. Quanto a sua dica de postagem baseada no tema SANTIDADE, farei em breve tal postagem, pois infelizmente estou praticamente sem tempo de produzir um estudo teologico no momento, mas muito em breve farei tal postagem. Já em relação as suas colocações, lembre-se de que não SOU EU QUE FALEI: "que vc falou:Essas regras têm, de fato, aparência de sabedoria, com sua pretensa religiosidade, falsa humildade e severidade com o corpo, mas não têm valor algum para refrear os impulsos da carne." SÃO PALAVRAS DO PROPRIO PAULO (Colossenses 2.19-21). Outro ponto, NÃO SOU CONTRARIO A TEOLOGIA DO GALARDÃO, é ensino claro na Biblia! Sou contrario ao chamado "capitalismo celestial", pois até onde a Biblia nos fala TODOS estaremos reunidos com o Senhor, independente de como fomos galardoados, veja Apocalipse 19, nO EVENTO BODAS DO CORDEIRO. Por fim, as parabolas citadas NÃO se referem somente a SALVAÇÃO, REFEREM-SE A ESCATOLOGIA, pois incluem salvação e galardão que é algo que somente os salvos poderão conseguir. Em relação as 144 mil, tenha cuidado, pois tais serão os remanescentes israelitas da Grande Tribulição e não trata-se de posição proxima ou distante de Jesus. E para encerrar, lembre-se que os 24 Anciões (Apocalipse 4.4) que estão de dia e de noite glorificando o Senhor representa os Santos do Antigo e do Novo Testamento, simbolizando a unidade do povo de Deus perante a glória do Senhor no por vir. No mais fico verdadeiramente feliz em provocar no irmão o desejo de buscar e questionar pontos de suma importancia para fé Cristã. Continue assim!
      Que o Senhor o abençoe ricamente!

      Em Cristo, Jefferson Rodrigues.

      Excluir

Caros irmãos fiquem a vontade para concordar, discordar, criticar e elogiar. Apenas peço que o façam com base na Palavra de Deus. Lembro a todos que os comentários que forem ofensivos serão removidos, pois nosso espaço é para reflexão e não agressão. No mais fiquem a vontade!